16 nov

Imersão em Paris

Encontro com o grupo em Paris

Paris é uma das cidades mais visitadas no mundo. O sonho turístico de muitas pessoas.

Em maio de 2018, tive a chance de realizar uma imersão cultural e de negócios, com um grupo de pessoas incríveis.

Mas por que em Paris? Alguns perguntaram.

O que ninguém perguntou foi “E quem eram eles?”

Pode ser que você chegou até este texto por acaso, então vamos lá às devidas explicações:

Poderia escrever este texto de várias formas, escolhi navegar pelos campos da emoção. Em 2014 comecei a ajudar psicólogos profissionalmente, passei a ensiná-los como fazer negócios, como empreender na profissão e principalmente como divulgar nosso trabalho com respeito ao código de ética do psicólogo.

Milhares de profissionais me procuram, chegam até mim, escrevem, interagem nas redes sociais, participam de minhas palestras e muitos já fizeram meu curso online, chamado Marketing para Psicólogos, desde que iniciei minha primeira turma, em 2014.

Este curso tem reunido pessoas de todo o país e de fora do Brasil, unindo profissionais, quebrando barreiras, não é um curso perfeito, mas é um espaço que faz somar, agregar, transformar se a pessoa estiver aberta e disposta a tal.

A grande maioria dos que me procuram são pessoas que já atuam na profissão, mas ainda não conseguem viver da Psicologia.

Hoje minha maior alegria é receber os relatos destas pessoas, contando que estão, hoje, após conhecerem meu trabalho, vivendo da profissão que escolheram e que tanto amam.

Em 2017, comecei a realizar Imersões, como o nome mesmo diz, o objetivo é uma imersão profunda no tema que ensino.

São 3 dias imersos comigo e minha equipe em uma bela casa, poucas pessoas e muita troca. Em 2017 realizei 3 imersões, cerca de 40 pessoas participaram, somando as 3 edições.

No mesmo ano, viajei pela primeira vez à Europa, fui à trabalho, muito trabalho. Quase 1 mês, foi uma experiência incrível e desde maio de 2017 algumas destas pessoas, que participaram das minhas imersões no Brasil pediam:

“Bruno, faça uma imersão em Paris com a gente”

“Bruno, organize uma imersão na Europa”

No começo pensei que fosse brincadeira, até o momento que comecei a perguntar individualmente para alguns deles: “É verdade isso? Se fizer uma imersão em Paris você irá?”

E aos poucos que perguntei, disseram SIM.

Incrível como uma simples idéia, pode virar realidade, pode se concretizar.

Cheguei a pensar que seria impossível dar certo. Ah, essa palavra “impossível” que tem mania de nos atormentar.

Hoje, penso diferente, penso assim: “Se fiz uma imersão em Paris e foi um sucesso, posso fazer em qualquer lugar do mundo”. Olhem como mudamos nossos pensamentos.

Bem, se quiserem mais detalhes sobre como foi a organização até a realização da imersão me avisem, que escrevo um novo texto ou gravo um vídeo, agora, vamos falar da imersão (ufa! vai logo Bruno, fala)

De 21 a 26 de maio de 2018, estivemos reunidos, 18 pessoas, todos em uma mesma casa, em um belo bairro em Paris, próximo ao museu do Louvre em uma imersão de negócios, não fomos à passeio. Fomos trabalhar e de quebra ganhamos cultura, memórias, amizades, uma experiência fantástica.

O mais marcante para mim: TODOS os participantes da imersão foram alunos do meu curso online Marketing para Psicólogos.

Quando me procuraram, a maioria, pensavam em desistir da profissão, tempos depois, estavam em Paris, para aprendermos, estudarmos, e, foram cada um pagando suas despesas com o dinheiro que fizeram com a profissão que amam.

Uma semana juntos; uma semana que voou; 18 pessoas em uma mesma casa em harmonia.

Eu poderia falar longamente sobre cada participante, sobre cada pessoa que fez parte desta história, mas ficaria longo demais o texto.

No meu instagram você confere fotos deles e ainda tem os DESTAQUES, os stories que fiz durante a imersão e que você pode assistir.

 A imersão começou com uma palestra incrível e angustiante com o empresário Português: Fernando Serra, falando sobre a diferença entre ser empreendedor e empresário (muita diferença!) e a necessidade de nos tornarmos empresários. Lembrando que se você tem um consultório, é a sua empresa, mas normalmente não administramos como empresário (a).

Em termos de trabalho, cada um dos participantes apresentou seus projetos, suas idéias. O grupo inteiro deu sugestões, idéias, fez críticas quando necessário.

Todos saímos de lá com uma meta financeira para os próximos 12 meses, além de sairmos com tarefas a serem realizadas, para alcançar nossos objetivo.

E o mais belo é que, acima de tudo, o objetivo de cada um que estava lá é ver um mundo melhor, é impactar a vida das pessoas através da Psicologia, através de seus serviços, produtos, de suas atuações, o dinheiro é uma justa consequência.

Os homens dormiam em uma parte da casa e as mulheres em outra, com o conforto que conseguimos para comportar as 18 pessoas. Encontrar uma casa deste porte, em Paris, foi uma loteria. Era um apartamento térreo, aconchegante em que conseguimos realizar um grande feito: reunir Psicólogos inspirados e dispostos a fazerem a diferença dentro de seus propósitos.

Tivemos o momento do lazer, dos passeios, não poderia faltar a Torre Eiffel, O Arco do Triunfo, Passeio de barco no Rio Sena, Além de pararmos nos famosos cafés parisienses, foi espetacular.

Acredito que foi uma experiência ímpar para cada participante, em todos os sentidos, cultural, emocional, mental, social, profissional, humano.

E como funcionou a escolha das pessoas?

Muito simples: eu divulguei apenas para as pessoas que já participaram da imersão no Brasil. A única condição era já ter participado de uma das imersões no Brasil.

Dormíamos tarde e acordávamos o mais cedo possível, que não era nada cedo rs

Trabalhamos muito, rimos, conversamos, abraçamos e até choramos.

Muitos frutos já começam a aparecer, outros estão por vir.

Só para ilustrar como foi a imersão, vou relatar 1 dia, a quinta feira, dia 24 de maio.

Acordamos, preparamos o café, normalmente alguém ia até a padaria (e que padaria!), um ou outro saía para tomar um café na rua e passear logo pela manhã.

Eu os avisava no grupo do whatsapp que iríamos começar para que todos pudessem estar presente no momento certo, quando começávamos as mentorias, era difícil parar, nos empolgávamos. Nada de passar a mão na cabeça de ninguém, porém, sempre com muito carinho e preocupação verdadeira, com cada um.

Fazíamos pequenas pausas de no máximo 30 minutos para não perdermos o ritmo.

Neste dia, especificamente, não deu tempo de almoçar, fomos direto até as 16 horas. Aí paramos, respiramos com a sensação de dever cumprido.  Com a cabeça cheio de idéias, saímos andando pelas ruas de Paris, destino: Rio Sena.

Fomos até um barco, todos juntos e fizemos um delicioso e inesquecível passeio ao longo do Rio. Na volta, jantamos em um gostoso restaurante Parisiense.

Durante a noite, nos dividimos em grupos, alguns foram ver o Museu do Louvre, rolou até constelação familiar ali, fiquei sabendo. Outros foram ver a Torre Eiffel iluminada, outros foram caminhar e caminhar.

Era primavera e o sol ficava conosco até próximo das 21h30, sensacional.  Dias inesquecíveis.

Um sonho que se tornou realidade.

Os assinantes do canal Psicologia Sem Fronteiras PLAY, terão acesso aos bastidores da imersão, gravamos muita coisa.

Se você ainda não é, pode conhecer o PLAY clicando AQUI.

Eu tenho muitas e muitas histórias para contar dos nossos dias em Paris, se quiserem me avisem, que escrevo, já que este texto já ficou bem grande.

Terá imersão internacional em 2019? SIM, e novamente a única condição para participar da internacional é ter participado de uma imersão no Brasil.

Se quiser saber como funciona a imersão no Brasil, clique aqui > QUERO SABER MAIS SOBRE A IMERSÃO

Espero que tenham gostado, aqui dividi um pouco do muito que aconteceu conosco na cidade Luz, a linda Paris.

Au revoir

    Comments

  1. Patrícia
    16 de novembro de 2018

    Eu quero participar de uma imersão!
    Um requisito que você colocou para participar da imersão em Paris foi a imersão no Brasil. Bruno, acho que vou te dar um desafio..rss. Pense com carinho nos seus alunos internacionais que querem ir para a próxima imersão na Europa 😊😘

    Responder
  2. 16 de novembro de 2018

    Fiquei arrepiado ao recordar.
    Quanto aprendizado, quanta partilha, quanto conhecimento todo junto.
    Nenhum homem sozinho é mais forte que um grupo, fez todo o sentido ali.
    Nós psicólogos in company (Bia e Fernando) restruturamos completamente as nossas ações para pelo menos 12 meses. A imensidão de conhecimento adquirido foi indescritível.
    Gratidão Bruno pela lembrança de tantas fantásticas emoções vivenciadas.
    Gratidão a todos os que estiveram e contribuíram para o nosso desenvolvimento!

    Responder

Leave A Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *